sábado, 4 de fevereiro de 2012

Primeira Leitura: 1º Reis 3, 4-13


Naqueles dias 4Foi o rei a Gabaon para ali oferecer um sacrifício, porque esse era o lugar alto mais importante, e ofereceu mil holocaustos sobre o altar de Gabaon. 5O Senhor apareceu-lhe em sonhos em Gabaon durante a noite, e disse-lhe: Pede-me o que queres que eu te dê. 6Salomão disse: Vós destes com liberdade vossa graça ao vosso servo Davi, meu pai, porque ele andou em vossa presença com fidelidade, na justiça e retidão de seu coração para convosco; em virtude dessa grande benevolência, destes-lhe um filho que hoje está sentado no seu trono. 7Sois vós, portanto, ó Senhor meu Deus, que fizestes reinar o vosso servo em lugar de Davi, meu pai. Mas eu não passo de um adolescente, e não sei como me conduzir. 8E, sem embargo, vosso servo se encontra no meio de vosso povo escolhido, um povo imenso, tão numeroso que não se pode contar, nem calcular. 9Dai, pois, ao vosso servo um coração sábio, capaz de julgar o vosso povo e discernir entre o bem e o mal; pois sem isso, quem poderia julgar o vosso povo, um povo tão numeroso? 10O Senhor agradou-se dessa oração, e disse a Salomão: 11Pois que me fizeste esse pedido, e não pediste nem longa vida, nem riqueza, nem a morte de teus inimigos, mas sim inteligência para praticar a justiça, 12vou satisfazer o teu desejo; dou-te um coração tão sábio e inteligente, como nunca houve outro igual antes de ti e nem haverá depois de ti. 13Dou-te, além disso, o que não me pediste: riquezas e glória, de tal modo que não haverá quem te seja semelhante entre os reis durante toda a tua vida.


Salmo Responsorial(118)


REFRÃO: Ó Senhor, ensinai-me os vossos mandamentos!

1. Como um jovem manterá pura a sua vida? Sendo fiel às vossas palavras.- R.

2. De todo o coração eu vos procuro; não permitais que eu me aparte de vossos mandamentos. - R.

3. Guardo no fundo do meu coração a vossa palavra, para não vos ofender. - R.

4. Sede bendito, Senhor; ensinai-me vossas leis. - R.

5. Meus lábios enumeram todos os decretos de vossa boca. - R.

6. Na observância de vossas ordens eu me alegro, muito mais do que em todas as riquezas. - R.



Evangelho: Marcos 6, 30-34


Naquele tempo,30Os apóstolos voltaram para junto de Jesus e contaram-lhe tudo o que haviam feito e ensinado. 31Ele disse-lhes: Vinde à parte, para algum lugar deserto, e descansai um pouco. Porque eram muitos os que iam e vinham e nem tinham tempo para comer. 32Partiram na barca para um lugar solitário, à parte. 33Mas viram-nos partir. Por isso, muitos deles perceberam para onde iam, e de todas as cidades acorreram a pé para o lugar aonde se dirigiam, e chegaram primeiro que eles. 34Ao desembarcar, Jesus viu uma grande multidão e compadeceu-se dela, porque era como ovelhas que não têm pastor. E começou a ensinar-lhes muitas coisas.

Nenhum comentário: